5 comportamentos machistas para os homens repensarem em 2019

fevereiro 27, 2019


Já publicamos aqui uma lista para mulheres repensarem seu comportamento em relação a outras mulheres no novo ciclo que se inicia – aliás, corre lá pra ler que serve pra você também! Selecionarmos só cinco, quando falamos de homens, é tarefa árdua, porque precisamos de muito mais trabalho quando se trata deles. Mas, pelo menos por aqui, acreditamos na mudança. E é claro que não dá para mudar radicalmente, então, tudo bem se for um passinho de cada vez, contanto que seja consciente e consistente.  Não são comentários óbvios que esperamos que juridicamente você saiba: bater, estuprar, abusar. Falamos aqui do que passa disfarçado. Faça diferente! Faça com o propósito de ser alguém melhor, de verdade. Se isso não for suficiente motivação, faça para ser decente, porque pega mal ser tão escroto.

Não mexa com mulheres.
Paquera não tem nada a ver com assédio. Não assovie, não chame, não supostamente elogie ou converse com uma desconhecida na rua. Não encoste em mulheres que não estão dando abertura para esse contato. Não use de má-fé dizendo que só tá olhando quando o seu olhar claramente incomoda. Não sinta prazer em constranger.

Não exponha mulheres.
Não exponha sua namorada. Não exponha sua crush, sua peguete, sua amiga. Não mostre fotos que você tirou intimamente, nem que ela tenha enviado. Ela mandou para você, apenas. Não exponha sua mãe. Nem a sua chefe, nem a sua colega. O mundo ainda julga moralmente infinitamente mais as mulheres do que aos homens, então, não alimente isso.

Elogie além da estética.
Até quando você elogia você erra? Sim. Aprendemos, desde que as meninas são pequenas, que os únicos elogios que convêm a mulheres são os de cunho de estético. Para com isso. Elogio a estética, sim, mas também a inteligência, a capacidade de raciocínio, o repertório de mundo, a clareza na fala, a sofisticação do discurso, o bom gosto pra arte, a escolha perfeita do restaurante, a coerência nas explicações, entre outras milhares de qualidades que uma mulher pode ter.

Aumente o campo de visão para uma extensão além do seu umbigo.
Essa é difícil. Entenda que mulheres não vieram ao mundo só para agradar o seu ser. Ou seja, nem tudo que a gente faz é por isso. Elas não estão só tentando chamar sua atenção. Elas não querem casar se querem sair com você de novo. Um telefonema não significa que ela calculou a data de nascimento dos filhos. Mulheres também buscam o prazer e a felicidade, isso não significa que você é o centro gravitacional das escolhas delas. Talvez você só seja uma pessoa disponível naquele momento.

Oriente seus parças.
Homens têm poder de diálogo com outros homens, coisa que a gente não consegue sempre. Oriente seus amigos a não serem escrotos. Reprima piada misógina. Não alimente exposição. Tenham assuntos mais relevantes que a bunda de uma pessoa que passa. Construa masculinidades saudáveis. Não incentive meninos a reproduzirem comportamentos de violência.

Seja uma pessoa melhor, a cada dia. Ano novo é começo de um ciclo. Faça diferente.  É preciso que a masculinidade se reconstrua para o mundo pode pensar de maneira mais igualitária e pacífica.

Marcella Rosa é graduada em Letras pela Universidade Estadual de Campinas, onde também cursou o Mestrado em História e Crítica Literária. Dizem que ela está para acabar o Doutorado e agora estuda Filosofia. Mas só estou te contando isso porque dizem que convence melhor, já que você não deu bola para o que importa: ela é mulher.

You Might Also Like

0 comentários

Popular Posts